Ir para o site: UNIALFA/GO ALFA/SP FADISP

Informações: 0800 62 1080

Vestibular: 3272-5068

Grupo José Alves

Publicações

Publicações

12/09/2017

Alunos de Ciências Contábeis tem artigo aprovado no 3º Congresso UnB de Contabilidade e Governança

O 3º Congresso UnB de Contabilidade e Governança, que será realizado entre 29 de novembro e 1º de dezembro de 2017, na Universidade de Brasília, terá a participação das alunas do curso de Ciências Contábeis do UNIALFA - Centro Universitário Alves Faria, Francielly Rodrigues Antunes de Souza FlorianoHérica Rozário de Oliveira Kamyanka, que, juntas com os Professores Pedro Machado Soares JuniorPaulo Junio Pereira de Moura, tiveram o artigo "Elisão fiscal e a distribuição de riquezas: Um estudo sob a perspectiva da DVA" aprovado. Esse artigo é fruto do Trabalho de Conclusão de Curso defendido no final de 2016. 

Veja o resumo do artigo: É notável que a contabilidade tenha evoluído com o decorrer dos anos, sua função não é mais somente escriturar e apurar tributos, mas também é através de suas demonstrações que é possível verificar e compreender o que as empresas oferecem ao meio externo, como por exemplo à sociedade. O objetivo dessa pesquisa é verificar a relação entre elisão fiscal e repasse de benefícios para a sociedade dentro das empresas de capital aberto. Diante desse exposto foi realizada uma pesquisa quantitativa e empírica. A amostra analisada foi de 65 empresas listadas na BM&FBovespa no período de 2011 a 2015. Utilizamos as fórmulas Effective Tax Rate (ETR) e o Índice do Valor Adicionado (IDVA) pra analisar as variações de elisão fiscal e a distribuição de riquezas respectivamente. Também utilizamos como método de análise a correlação de Pearson para verificar se há correlação entre as variáveis. Como resultado, verificou-se que o governo recebe a maior parte da distribuição de riqueza das empresas durante os anos em análise. É importante ressaltar que os recursos que são destinados ao governo em forma de tributos, são o que de fato representam a riqueza distribuída à sociedade, ou seja, é através da arrecadação de tributos que a sociedade recebe a concessão e manutenção de seus benefícios. Também é possível que as empresas ao receberem incentivos fiscais (elisão), busquem repassar esses benefícios à sociedade através da geração de empregos. Contudo, nota-se que através das demonstrações contábeis também é possível obter informações que representam a realidade da empresa no meio social.

Mais informações no site do congresso: http://ppgcont.unb.br/eventos-e-noticias/174-3-congresso-unb-de-contabilidade-e-governanca-2.

Desenvolvido por WLIB Soluções Web